O Projeto Lei denominado de “Selo Artesanal” de autoria do vereador Hamilton José da Silva, que visa fomentar o desenvolvimento econômico dos produtores rurais, foi aprovado pela Câmara Municipal de Santo Anônio de Leverger e sancionado pelo prefeito Valdir Castro Filho.

Hamilton explicou que na realidade se trata de um Programa Municipal de Certificação da Qualidade dos Produtos Produzidos pela agricultura familiar.

“O projeto vai atender mais 1500 famílias que trabalham no campo e tinha dificuldade de comercializar seus produtos, com este “Selo Artesanal”, será possível vender em nos comércios da região”, explicou Hamilton.

Para o vereador, a inciativa vai alavancar a economia da região, já que tem muitos produtos como queijos, ovos e galinha caipira que ficavam de fora, mas que agora, tanto o produtor, como os consumidores serão beneficiados com a implantação deste selo, que vai disponibilizar produtos produzidos de forma artesanal, e de qualidade a população.

O vereador é um dos principais incentivadores do desenvolvimento econômico da agricultura familiar no município de Santo Antônio de Leverger, desenvolvendo atividades de buscam atender as necessidades e prioridades da população que vive na zona rural.

“Como vivo na zona rural, sei das necessidades dos moradores, são pessoas que precisam de uma boa estrada, de ponte, de energia elétrica, assim conseguimos ouvir diretamente as reivindicações do povo e levar para o prefeito”, ressaltou o vereador.

Hamilton aproveitou a oportunidade pra agradecer tantos os colegas vereadores que aprovaram o projeto, como também o prefeito Valdirzinho que sancionou a Lei de imediato

“Estamos trabalhando para proporcionar melhores condições de vida para nossa população, se o projeto apresenta só benefícios é claro que iremos sancionar e trabalhar para que seja colocando em prática o mais rápido possível”, ressaltou Valdirzinho.

Hamilton espera que o quanto antes os produtores possam comercializar seus produtores devidamente certificados, seja através das redes sociais ou nas gondolas dos comércios.

Por/ Da Redação

Fotos: Júlio Rocha

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor insira seu comentário!
Digite seu nome aqui